Consultar RPV pelo CPF, saiba onde e como fazer!

Publicado em 19/06/2024

Consulte a situação do seu processo rapidamente e sem complicação usando apenas seu CPF! Nesse artigo te mostraremos como consultar RPV pelo CPF de forma simples.

Consultar RPV pelo CPF, saiba onde e como fazer!

Desvendando a Requisição de Pequeno Valor (RPV)

A Requisição de Pequeno Valor, mais conhecida pela sigla RPV, representa um procedimento de pagamento empregado por entidades governamentais. 

Utilizado para liquidar obrigações financeiras originadas de decisões judiciais, cujos montantes são considerados modestos segundo parâmetros legais.

Os valores que configuram um “pequeno valor” são determinados pela legislação individual de cada entidade federativa – União, Estados e Municípios.

A RPV desempenha um papel fundamental no sistema jurídico ao possibilitar que credores, recebam os valores devidos de maneira mais rápida e sem necessidade de precatórios. 

Constituindo, assim, uma opção mais eficiente para o pagamento de quantias menores.

Dito de outra forma, essa maneira de pagamento permite uma compensação mais rápida dos montantes devidos pelos perdedores em ações judiciais.

Sendo uma opção mais ágil em comparação aos precatórios.

Procedimento para consultar a RPV pelo CPF

Verificar sua RPV usando o CPF é um procedimento simples que pode ser efetuado online, conferindo praticidade e eficiência.

Inicialmente, a pessoa interessada deve acessar o site do Tribunal de Justiça ou do Tribunal Regional Federal da região onde ocorreu o julgamento.

Por exemplo, você pode visitar os sites dos TRFs:

Depois, procure pela opção “Consulta Processual” ou “Consulta de RPV”, digite o número do seu CPF e siga as orientações específicas do site para acessar as informações desejadas.

Vale ressaltar que as interfaces e requisitos para a consulta podem variar de site para site, então é importante se atentar às orientações de cada entidade.

Em resumo:

  1. Acesse o site do Tribunal de Justiça do seu estado ou do Tribunal Regional Federal, conforme a esfera de tramitação do processo.
  2. Busque pela opção de consulta de RPV ou precatórios.
  3. Digite o seu CPF e siga as orientações para buscar as informações relacionadas à sua requisição.

Consultar RPV pelo CPF, saiba onde e como fazer!

Alternativas para consulta quando não é possível realizar online

Caso a consulta online não seja uma opção, é possível obter informações diretamente nos guichês de atendimento dos tribunais.

Ou através de advogados especializados que podem auxiliar nesse procedimento.

Quais são os critérios para uma RPV?

Os parâmetros que configuram uma requisição de pequeno valor são estabelecidos pela legislação de cada entidade federativa.

Normalmente, para a União, o valor é determinado pela Lei 10.259/2001, que estabelece o teto para as RPVs em 60 salários mínimos.

Para os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, os valores são determinados por leis estaduais ou municipais, que podem diferir do valor estabelecido pela União.

É importante que o cidadão verifique junto à instituição competente qual é o limite de valor definido para que uma requisição seja considerada de pequeno valor na sua jurisdição.

Dicas Úteis para quem está na expectativa de receber uma RPV

Para aqueles que estão na expectativa do recebimento de uma RPV, é importante manter-se atualizado sobre os valores e prazos estabelecidos pela justiça.

Verifique se as informações fornecidas ao tribunal estão corretas, pois isso pode impactar o recebimento da sua RPV.

Além disso, acompanhe regularmente o andamento do seu processo.

E esteja ciente de que o prazo para pagamento da RPV, após sua expedição, varia de acordo com o ente devedor. 

Mas geralmente deve ser efetuado em até 60 dias.

Art. 17. Quando se tratar de obrigação de pagar uma quantia específica, após a decisão final do processo, o pagamento será realizado no prazo de sessenta dias, a partir da entrega da requisição, por ordem do juiz, à autoridade citada para a causa, na agência mais próxima da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil, independentemente de precatório.

Manter-se informado sobre o processo e conhecer seus direitos é essencial para garantir que você receba o valor devido no tempo adequado.

Consultar RPV pelo CPF, saiba onde e como fazer!

Fontes confiáveis para mais informações sobre RPV

Para obter informações precisas e atualizadas sobre RPVs, é recomendável visitar os sites oficiais dos Tribunais de Justiça Estaduais, dos Tribunais Regionais Federais e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). 

Esses sites disponibilizam dados relevantes e são frequentemente atualizados para auxiliar cidadãos e advogados no acompanhamento de processos de pequeno valor.

Outra fonte confiável é o contato direto com a instituição responsável pela RPV.

Seja por meios eletrônicos ou presenciais, para resolver dúvidas específicas sobre cada caso.

Além disso, em nossos blogs, postamos regularmente conteúdos relevantes e atualizados sobre o assunto.

Atenção! Desconfie de pessoas que entram em contato com você pedindo dinheiro para acelerar o recebimento do seu pagamento. 

Os tribunais NUNCA cobram valores para que você receba o SEU dinheiro, um direito que é garantido por lei.

Como resolver problemas durante a consulta de RPV

Se você encontrar dificuldades durante a consulta da sua RPV pelo CPF, existem algumas etapas que podem ser seguidas.

Primeiro, verifique se as informações fornecidas estão corretas e atualizadas.

Em caso de erros no sistema ou falta de informações, entre em contato com o tribunal ou peça a ajuda do seu advogado.

Em situações em que o pagamento não é realizado no prazo, é possível entrar com uma petição solicitando a liberação do valor ou verificar com o seu advogado quais outras medidas judiciais podem ser tomadas.

O advogado pode sacar a RPV do cliente?

Como regra geral, o advogado não realiza o saque da RPV do cliente, pois o pagamento é feito diretamente ao beneficiário ou ao seu representante legal.

No entanto, em circunstâncias específicas, com a devida autorização judicial e procuração com poderes expressos para tal fim, o advogado pode ser autorizado a realizar o saque em nome do cliente.

É importante lembrar que qualquer procedimento desse tipo deve ser feito com transparência e seguindo as normas éticas da advocacia.

Consultar RPV pelo CPF, saiba onde e como fazer!

Dicas para acelerar o recebimento da sua RPV

Para acelerar o recebimento da sua RPV, é recomendável manter seus dados pessoais atualizados e verificar regularmente o andamento do processo.

Entre em contato com o seu advogado para que ele possa tomar as medidas cabíveis em caso de atrasos ou problemas.

Outra dica é verificar se o seu CPF está regular e se não há pendências, pois isso pode bloquear e atrasar o pagamento.

Além disso, outra opção para agilizar o processo é realizar a antecipação através da venda da RPV.

Com a venda da RPV, você troca o tempo de espera pelo pagamento para receber o dinheiro, com algum desconto, em um curto período de tempo.

Com o LCbank, por exemplo, após a assinatura do contrato, o pagamento é realizado em 24 horas!

Acompanhe nosso blog para saber sobre esse e outros assuntos.

Consulte o andamento do seu processo e o valor da sua RPV

É muito fácil antecipar sua RPV! Preencha o formulário e um de nossos atendentes vai entrar em contato com você.

Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.

Menu

Entre em contato Agora:

Acompanhe nossas Redes:

Canal Oficial:

(61) 99506-7051– (9h às 18h de segunda a sexta e sábado de 8h às 12h)

Canal de Relacionamento:

(61) 99380-2467 – (9h às 18h de segunda a sexta e sábado de 8h às 12h)

SAC: 

(61) 99376-6881 – (9h às 18h de segunda a sexta e sábado de 8h às 12h)

Setor Bancário Sul – Quadra 2 Bloco S  Cobertura do Ed. Empire Center 
CEP 70070-904 Brasília/DF

Aviso Legal: O LCbank atua exclusivamente na compra e intermediação de Precatórios, RPVs, direitos creditórios e ativos judiciais. Não somos e nem atuamos como instituição financeira. LCbank – CNPJ 43.945.933/0001-64